Amazon

Resenha: Senhorita Aurora - Babi A. Sette

23:31:00

Resenha Senhorita AuroraSinopse
Nicole é uma jovem bailarina brasileira e está prestes a realizar seu sonho: Estrear no papel principal em uma peça na Companhia de Ballet de Londres. Tudo estaria perfeito se não fosse pela presença de um dos seus diretores: o temido Sr. Daniel Hunt. Um maestro prodígio de temperamento difícil, com um humor sombrio e que desperta em Nicole sentimentos contraditórios.Porém, quando uma tempestade de neve os isolam em uma mansão centenária, eles terão que encarar de frente não apenas os segredos que atormentam Daniel, como uma paixão proibida que nasce entre os dois. 
Uma história sobre amor e superação. Um romance intenso, tocante e perturbador que mostra que todos merecem uma segunda chance, até mesmo alguém com fama de monstro.

Livro: Senhorita Aurora | Autora:Babi A. Sette | Ano de Lançamento: 2016 | Idioma: Português | Compre: Amazon | Classificação:3,5/5

Nicole lutou muito parar conseguir estar no papel de solista em um espetáculo de dança, 3 anos depois de mudar para Londres e se dedicar integralmente ao balé.
Daniel é um jovem prodígio da música, rico, solitário e que traz uma amargura dentro de si. O mundo deles colide quando passam a compor o elenco da peça Bela Adormecida e para isso terão que conviver diariamente durante os ensaios. 

O envolvimento da trama está na culpa do Daniel e o peso que ele carrega. A forma como a autora o apresenta e revela pequenas informações nos deixa interessada em descobrir se esse peso está relacionado à mãe dele, à tia...e quanto mais páginas passamos, mais ficamos curiosos, até que durante uma brincadeirinha deles mais uma suspeita é levantada, facilitando então a charada.
Na vez da Nicole sofrer, entramos também no seu sofrimento mas de maneia mais branda.Eu gostaria de ter lido um pouquinho mais a respeito do que ela passa, talvez por entender o amor dela pela dança.


Senhorita Aurora foi o primeiro livro da autora que li e gostei bastante da sua escrita, ela não tem vícios de linguagem e repetições, além de fluir naturalmente com dinâmica e leveza. 
O enredo é interessante e devo dizer que me surpreendeu, foi a primeira vez que li um livro com o tema abordado. E esse drama, embora tenha ganhado importância em grande parte da trama, não foi o único, no decorrer da história mais um desafio surgiu, mas com um menor grau de carga dramática.

Quanto aos personagens e suas ações, em vários momentos me deu aquela vontade de bater nem Daniel pela forma que tratava Nicole e muitas outras vezes vontade de bater nela por aceitar ser o saco de pancadas dele, que estava de mal do mundo. Nicole é imatura por conta da idade e da inexperiência, Daniel é arrogante, misterioso e distante. Mesmo percebendo a química existente entre eles, toda a tensão sexual, a interação, o jeito doce que Daniel revela só para a Nicole e o desejo de descobrir tudo sobre o casal, eles não conseguiram ser aquele casal envolvente, de arrancar suspiros do início até o fim.

Algo que me incomodou um pouco foi o fato de que alguns traços da personalidade do Daniel, suas ações e alguns de seus diálogos que para mim foram desnecessários, lembraram um pouco o Christian Grey. Mesmo não tendo nada de semelhante entre esses dois personagens e suas histórias, deu para relacionar,pelo simples fato de serem personagens e histórias recentes. Entendo que muitos elementos não sejam exclusividade de um livro ou um personagem, mas neste caso, o que eu li não achei nem mesmo que combinava com a personalidade de Daniel e sua vida. 

Espero que na nova edição do livro ela trabalhe melhor isso e crie um personagem marcantemente único e inesquecível.

Leia Também:

4 comentários

  1. Adorei a resenha, o casal da trama parecem ser tão fofos, já quero ler!
    Amei o blog! Sucessos sempre...
    http://my1life2in3books.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele vai ser publicado pela Verus em 2018. :)

      Excluir
  2. Olá,
    Não conhecia o livro, mas não é o estilo que chama minha atenção. Primeiro pelo personagem aparentemente ser abusivo, não gosto quando isso acontece, além disso, você diz que o personagem não combina com a história criada para ele, então perdi total interesse.
    Beijos
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele nem é abusivo não, só um tanto temperamental, e ela se submete. rs

      Excluir

Inscreva-se no Feed